/“Bocalis canta cinema” será lançado no Domingo

“Bocalis canta cinema” será lançado no Domingo

Foto: Juliane Bertoluci

O Grupo Bocalis lançará o CD Bocalis Canta Cinema financiado pelo FAC da Secretaria de Cultura/RS nas cidades de Canela e Gramado. 

No domingo, 01/12, às 15h30min, o evento acontecerá no Multipalco da Praça João Correa em Canela. E na segunda-feira dia 02/12, às 20h30min, no Teatro Elizabeth Rosenfeldt da Câmara de Vereadores de Gramado.

Em dezembro de 2012 o Grupo Bocalis teve seu projeto contemplado no edital SEDAC nº 02/2012, referente ao Pró-cultura RS, Fundo de Apoio à Cultura – FAC, da Secretaria de Cultura do Rio Grande do Sul. Desde então está empenhado na gravação e lançamento do CD Bocalis Canta Cinema. ‘Desde 2004 sonhamos com isso’, diz Liana Rübenich – regente do coro. ‘Através deste trabalho aliamos trilhas da indústria cinematográfica mundial ao canto coral e artes cênicas a fim de proporcionar ao público um momento de encantamento através da arte e da cultura’, completa ela.

O Grupo Bocalis é integrado por cantores de Canela e Gramado e realiza um trabalho vocal diferenciado, transformando suas apresentações em espetáculos dinâmicos. ‘Nestes espetáculos estaremos premiando obras com o Troféu Bocalito’, adianta a diretora de palco Mariangela Schuch. ‘E a decoração do ambiente está sob a coordenação da artista plástica e colega de canto Márcia Scherer’, completa.

No Multipalco e ao Teatro Elizabeth Rosenfeldt estarão instrumentistas como: Rogério Heurich (piano), Serginho Severo (baixo), Mateus Perotto (bateria), Gabriel Campos (percussão) e Cirilo barcelos (violão); eles marcarão o ritmo de músicas como Singing in the Rain, How Deep is Your Love, Gabriel’s Oboe, What a Wonderful World, Aquarela do Brasil, Esperando na Janela, entre outras.

O gravação do CD contou com a pianista Gisele Flach.

Além das cidades de Canela e Gramado, as cidade de Jaquirana e Cambará do Sul são contempladas pelo projeto do Grupo Bocalis.

OFICINAS DE CANTO

‘Além do CD em si, há outras ações aliadas ao projeto’, afirma Magno Schuch – presidente da Associação Amigos do Bocalis. ‘Entre elas estão oficinas de canto que aconteceram com alunos da rede escolar. Em Canela as escola Santa Terezinha e Bertoldo Oppitz, e em Gramado a Escola Estadual Ramos Pacheco foram contempladas’, compartilha ele. ‘Nosso objetivo com a oficina é proporcionar para as pessoas um contato direto com o canto coral e inserir a comunidade nessa forma de cultura, fazendo-a encantar-se e sentir-se parte do mundo artístico”, termina Magno.

‘O canto em conjunto desenvolve atividades relativas a atenção, coordenação motora, percepção, autoestima, respeito, trabalho em grupo, desenvolvimento corporal, afinação, ritmo, matemática, história das artes, geografia, além de proporcionar momentos de prazer’, destaca Liana Rübenich.