/Festival Brasileiro de Música de Rua terá edição em Garibaldi

Festival Brasileiro de Música de Rua terá edição em Garibaldi

Há cinco anos cidades da Serra Gaúcha abrem seus espaços públicos para o Festival Brasileiro de Música de Rua. No dia 15 de abril, é a vez de Garibaldi receber o evento. A programação inicia às 19h, na Praça Loureiro da Silva, além da boa música, gastronomia com a participação de food trucks e cervejarias integram o evento. (Na foto Vera Loca, uma das atrações. Crédito: Divulgação)

O show de encerramento será com a banda gaúcha Vera Loca, que trará o POP e Rock’n Roll, estabelecendo diálogos com multiplicidade de referências.
O Festival Brasileiro de Música de Rua, além de democratizar o acesso à cultura e aproximar o artista e o espectador, se firmou como mais um vetor de diálogo entre os países latino-americanos por meio de sua produção musical.
O evento, de acordo com os organizadores, visa também resgatar o valor da música, levando música bem elaborada onde as pessoas estão, contribuir efetivamente para a formação do público, promover o encontro de músicos de distintos gêneros, fomentando a diversidade cultural e unir as cidades da Serra Gaúcha pelos laços da música, promovendo trocas entre artistas locais e internacionais.
O evento será realizado de 15 a 24 de abril de 2016, nos municípios de Caxias do Sul, Garibaldi, Flores da Cunha, Bento Gonçalves, Antônio Prado e Farroupilha.
A realização em Garibaldi é de Guerrilha, Varsóvia, Fecomércio e Sesc, e conta com o apoio da Prefeitura de Garibaldi, por meio da Secretaria de Turismo e Cultura.
Apresentações contempladas em Garibaldi:
QUARTETO DE CELLOS – Apresentam clássicos de Bach e Bethoven.
YANGOS QUARTETO INSTRUMENTAL – Explora sonoridades que transitam por milongas, chacarreiras e valsas. Apresentando uma forte influência da música regional gaúcha, estabelece um hibridismo de gêneros, criando uma linguagem própria na música instrumental do sul da América, em um estilo que não vê fronteiras.
LENON Z – Rockabilly e música dos anos 60 travestidos de irreverência.
MOLINA – O uruguaio Molina apresenta suas canções de Folk Platino em formato solo. Molina é vencedor de diversos prêmios no Uruguai e recentemente representou seu país na mais importante feira de música das Américas a SWSX.
PHORO – Também uruguaia, com suas canções que falam de amor e desamor, flerta com o NEW WAVE dos anos 80, cantando em espanhol.
VERA LOCA – Banda gaúcha, reconhecida por seu trabalho autoral. Conta com 6 CD’s lançados, um DVD e diversas bilheterias esgotadas no Rio Grande do Sul.