Iniciam obras do Gramado Termas Park

Com a possibilidade de dar um outro olhar para o turismo de Gramado, afinal quem quer água termal encontrará esta opção na Serra Gaúcha, foi inaugurada na última quarta-feira, 21, a pedra fundamental do Gramado Termas Park, o primeiro parque de água termal indoor do Brasil. A previsão é de que a primeira etapa da nova atração turística de Gramado entre em funcionamento no final de 2018. (Imagem: Divulgação)

Desde a descoberta de água termal em 2013, empreendedores gramadenses vem trabalhando na criação do parque, um projeto inovador que promete revolucionar o turismo gaúcho. Ele ficará localizado próximo ao parque Snowland e ao lado do Gramado Termas Resort, sendo acessado pela RS-235, que liga Gramado a Nova Petrópolis, e contará com várias piscinas, além de toboáguas.
Segundo os empreendedores, o Gramado Termas Park terá capacidade para receber 3,5 mil pessoas por dia. “A exemplo do Snowland, estamos preparando um parque que vai alavancar o turismo gaúcho e levar o nome de Gramado para o mundo todo”, destaca o diretor do empGramadoreendimento, Anderson Caliari. Ele observa que o termalismo tem um público fiel e crescente no Brasil, que busca nas fontes o relax, a hidratação da pele e a prevenção de doenças. Conforme Caliari, a riqueza hidrotermal do Rio Grande do Sul até hoje não foi devidamente valorizada, já que os empreendimentos nacionalmente mais reconhecidos ficam localizados nos estados de Goiás, São Paulo e Santa Catarina. “Vamos unir o termalismo com um dos destinos turísticos mais valorizados do Brasil, que é Gramado”, resume Anderson Caliari.

A água termal de Gramado foi encontrada a 890 metros de profundidade, no Aquífero Guarani. Ela sai a uma temperatura de 43 graus Celsius e testes iniciais indicam uma vazão de 150 metros cúbicos por hora, chegando até o parque através de um tubo com cinco polegadas de diâmetro e oito milímetros de espessura de aço inoxidável. A bomba instalada a 753 metros de profundidade, é a primeira na América do Sul a romper esta distância de bombeamento com a finalidade de abastecer um parque termal.

Foto: Rafael Cavalli/ Divulgação

O sistema de bombeamento para a produção da água termal foi projetado pela Schlumberger, empresa americana líder de serviços no desenvolvimento de tecnologia e gerenciamento de produtos e soluções para prospecção de petróleo.

Imagem: Divulgação

Com 15 mil metros quadrados de área construída, o Gramado Termas Park terá um conceito europeu para águas termais, lembrando precursores romanos, turcos, gregos e húngaros. O objetivo é oferecer atrações para públicos de todas as idades, em um ambiente coberto e climatizado, especialmente no Inverno, quando as temperaturas em Gramado não costumam passar de 12 graus.

Notícias relacionadas



Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Melhor do Sul - Copyrıght 2014. Todos os direitos reservados.