/Villa Bella investe e é o único quatro estrelas em Gramado

Villa Bella investe e é o único quatro estrelas em Gramado

O diretor do Hotel Villa Bella, Hotel Conceito de Gramado, Roger Baqui, reuniu a imprensa hoje pela manhã para mostrar as novidades do Hotel, que são várias.

O Villa Bella que nasceu em 15 de julho de 1989, está com suas 87 unidades habitacionais repaginadas. Modernas, aconchegantes e funcionais, podem traduzir o que vi nesta manhã. A preocupação com o hóspede não vem de hoje neste hotel, faz muito tempo que os empreendedores trabalham para tornar o hotel acessível, e ainda lá no passado ele se transformou em um dos primeiros hotéis com esta acessibilidade, saíram na frente e agora saem novamente.

O cuidado em cada instalação, e todos os passos dados foram milimetricamente calculados para que o hóspede fique bem a vontade. A vista do Hotel é e tirar o folêgo, só isto já se basta para se hospedar neste espaço maravilhoso, mas o que é bom ficou ainda melhor. Para isto, o visionário Baqui investiu somente na reforma dos apartamentos a cifra de R$ 3 milhões.

O trabalho de decoração ficou a cargo do mais que badalado Carlos Volk. Um detalhe importante para que os casais de apaixonados vão amar é ter um andar exclusivo para casais, com suítes de 60 metros quadrado de frente para vista do Vale do Quilombo. A parte externa também passa por melhorias, e para o ao que vem Roger já anunciou que vai investir no setor de Alimentos e Bebidas, com cardápio internacional, chef para assinar o cardápio, entre outras questões relacionadas ao tema. Baqui aponta que desde que o Ministério do Turismo mudou a classificação da rede hoteleira eles vem trilhando o caminho para que a cada ano possa alcançar mais uma.

A classificação em estrelas dos hotéis havia sido revogada no ano passado pelo Governo Federal, mas foi retomada por seguir critérios internacionais já que o objetivo é padronizar a rede hoteleira para a Copa 2014 e as Olimpíadas de 2016. Para ober a classificação, é necessário se cadastrar junto ao Ministério do Turismo e marcar a visita de uma valiador do Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia), e a partir disto se obtem a avaliação.

O SBClass começou a ser discutido em 2008 entre governo, especialistas e representantes da indústria, com base em modelos de 24 países e na realidade da hotelaria nacional.
Pelo novo sistema, os requisitos obrigatórios variam não só de acordo com a quantidade de estrelas que se quer receber, mas também com o tipo de meio de hospedagem. Há critérios (e preços) diferentes para as categorias hotel, resort, flat, cama e café, pousada, hotel fazenda e hotel histórico. Os hotéis cadastrados recebem uma placa oficial com o número de estrelas. O registro tem duração de três anos.
Neste mês, foi instalado também um comitê técnico responsável por tomar decisões em casos excepcionais e por decidir sobre mudanças no sistema. O comitê tem representantes do governo e do setor privado.
As informações completas estão no site do SBClass.

Fotos: Leonid Streliaev/Divulgação Hotel Villa Bella