/Um passeio por muitos terroirs

Um passeio por muitos terroirs

Um passeio por muitos terroirs sem sair do lugar. E o mais incrível, dentro de um trem.  Como assim? Explico tudo… deve estar pensando você, minha e meus leitores.

Foi num sábado de verão dentro do inverno, que fui gentilmente convidada pela mais que querida “gringa” Fernanda Chies, leia-se a dona da gastronomia “do” Canela… Moradores entenderão, afinal ela assina a gastronomia do Magnólia do Empório Canela e do Férreo. E foi neste dia que me deparei com um programa muito espetacular: Happy Wine, que acontece dentro dos vagões do trem estacionado. A história centenária da Estação que hoje é Campos de Canella. O trem estacionado é original e em 1920 fazia percurso entre Novo Hamburgo a Taquara e, posteriormente Taquara a Canela, trazendo os primeiros turistas para cidade.

Vinho: o tema central do Happy Wine

Estar neste lugar cheio de histórias foi espetacular. Inicialmente fomos guiadas pela Fernanda Chies, que como sempre estava cheia de charme e pronta para soltar o verbo ou as perlagens. Na sequência dos trabalhos,  quem comandou o “passeio” foi a Jéssica Piffer, e nos levou com muita categoria a passear pelos mais diversos terroirs da Serra Gaúcha, sem sequer dar um passo além da cidade.

Fernanda Chies, proprietária do Férreo

O vagão restaurante me levou a muitas viagens imaginárias, onde o prazer era a tona do momento. Durante o programa, que acontece todas as quintas-feiras e sábados às 16h30min, você faz a degustação com  harmonização de finger foods e de lambuja, conhece um pouco mais sobre a história das vinícolas que participam do projeto. 

Jéssica Piffer, no comando das degustações

Foram servidos seis vinhos, todos com umas comidinhas deliciosas para harmonizar.

O primeiro deles foi a espumante da Casa Perini Black Edition, 100% Chardonnay, de Farroupilha que foi harmonizado com uma coxinha. Sim, isto mesmo! Esta preciosidade ao lado de outra preciosidade, ficou sensacional. A coxinha do Férreo é uma criação do chef goiano, Manoel de Oliveira. Aqui já estamos aliados a gastronomia raiz do Brasil. Resultado sensacional.

Tradicional coxinha do Férreo

Na sequência, fomos guiados para Flores da Cunha, também localizada na Serra Gaúcha e foi a vez da Vinícola Luiz Argenta, que tem um diferencial em seus trabalhos – as garrafas que são belíssimas, um design italiano, inspirado nas mulheres. Com a Rosé LA Jovem, elaborada com 50% de Pinot Noir e 50% Syrah, reconhecido como um dos melhores vinhos pelo Guia Adega 2021/2021, o vinho Rosé Jovem da Luiz Argenta faz parte de uma coleção proveniente de safras recentes, com sabores e aromas frutados. Ideal para levar mais frescor aos momentos de lazer como este. E ele foi servido com um Steak Tartare e chips de batata doce. A vontade era repetir e repetir e repetir. Sensacional…

Já na terceira etapa, veio o Pinot Noir da Amitié da Serra Gaúcha. E com ele a harmonização com bruschetta de queijo feta e tomate confit. A Pinot Noir e seus aromas frutados e boa persistência gustativa, com taninos aveludados. E para completar toda esta categoria, um belo marcador de taças para eternizar os momentos únicos. Ainda não tinha degustado este vinho da Amitié, mas ficou sensacional este novo rótulo criado pelas amigas Andreia e Juciane que já estão no mercado há muitos anos.

Com aromas de frutas negras e toques de tostados, e em boca e taninos  macios, estamos falando do Tannat gaúcho, que não pode faltar. Nos foi servido o da Vinícola Guatambu, que foi harmonizado com queijo parmesão e gorgonzola. Para quem acredita que Tannat é só o do Uruguai, vai morder a língua quando experimentar os tannats gaúchos, especialmente os da fronteira.

E finalizando o roteiro, um brigadeiro com teroldego da Vinícola Ravanello de Gramado. Aroma intenso, complexo e muito agradável sobressaltou a ameixa preta madura, notas de café, o que não precisa comentar. Mas sendo uma “comentarista nata”, digo que ficou super bom.. e teve repeteco sim…

A experiência gastronômica dura 1h30min. Para você participar precisa fazer a reserva com antecedência, pois são apenas 14 lugares, o que torna o momento ainda mais único. As reservas podem ser feitas pelas redes sociais ou pelo telefone. Facinho…

Serviço:
Férreo Restaurante
Largo da Fama, 77 – Centro – Canela
(54) 3282-6795
Valores: Quintas-feiras R$ 138,00 / Sábados : R$ 158,00

Uma viagem única. Amei a experiência e sugiro que façam. A vida é curta para não desenrolhar os mais diversos vinhos.

#Cheers